Apresentação da Chama

A Associação Chama

Logo Chama

foi imaginada em 2005, durante uma conversa dentro de um bar entre dois estudantes Juliette Araújo e Sergio De Deus, e a leitora 2000/2003 de português na universidade Marc Bloch, Isabelle Oliveira.

O nome "chamasignifica 2 coisas : "la flamme", a chama estudante da lingua portuguesa e "appelle", do verbo "chamar", "appeler", porque cada um de nós chama e convida os seus amigos/contactos a falar português e descobrir as culturas lusófonas.

Em 2008, com mais de 100 membrosa Chama tornou-se a associação de estudantes mais importante de Estrasburgo.

Em 2012, com mais de 500 cotas pagas, uma rede de mais de 40 parceiros, a Chama foi selecionada pela sua "Semaine da Lusofonia" organizada em Strasbourg pelos estudantes, e fez parte dos finalistas do prémio de Meilleur projet associatif lusophone national. Seus membros participaram do Gala de l'Hôtel de Ville de Paris.

Em 2015, 10° aniversário ?

Para que serve a associação ?

Em 2005, a Universidade de Strasbourg oferece unicamente um curso DU de Portugais e iniciações de português na Licence. 
Português não faz parte das línguas de especialidade que podem ser escolhidas em Licence de LEA na UFR LSHA.

Não havendo ainda reconhecimento suficiente da língua portuguesa na Universidade de Estrasburgo e ainda mais na UFR das línguas vivas e na UFR LSHA,
Não havendo ainda acordo de mobilidade para o Brasil ou Portugal e nem para os outros países lusófonos, oferecidos aos estudantes de ciências humanas,

NÓS, estudantes de todos os ramos da Université de Strasbourg,
(antigas UMB, URS e ULP)

decidimos nos mobilizar para que TODOS JUNTOS 
possamos promover a língua portuguesa,
as culturas lusofonas e a lusofonia em seu conjunto.

"L'UNION fait la FORCE !"

Em 2011falada por mais de 250 milhões de locutoresportuguês é agora a 5a língua mais falada no mundo, mais que francês, alemão, holandês, grego, italiano ou japonês (línguas de especialidade oferecidas em Licence de LEA na UFR LSHA).

Em 2013, abertura do primeiro ano de Licence bilangues Español / Português na UFR des Langues Vivantes.
O português continua ausente das línguas de especialidade em Licence LEA, continua não existindo acordo de mobilidade tipo Erasmus para estudantes de português
.

Quer saber mais ? Consulte os Objetivos !

DU, Diplôme Universitaire
LEA, Langues étrangères appliquées
LSHA, Langues et Sciences Humaines appliquées
UFR, Unité de Formations et de Recherches (=la Fac)
UMB, Université Marc Bloch
ULP, Université Louis Pasteur
URS, Université Robert Schuman

Evolution du logo